Operação global contra o DD4BC resulta em detenções

0
205

Os países Europeus juntaram-se à luta contra o DD4BC (Distributed Denial of Service – DDoS – for Bitcoin), como parte de uma resposta global contra a organização cibercriminosa, o que levou a detenções.

A operação Pleiades, que decorreu no mês passado, resultou da junção de algumas agências governamentais da Alemanha, Bósnia, Áustria e Inglaterra com a Europol.

Um dos alvos principais foi preso e outro suspeito foi detido. Foram efetuadas diversas buscas e muitas provas foram recolhidas.

Esta operação foi iniciada pela Áustria e suportada pela Agência Europeia de Cibercrime Europol juntamente com a Joint Cybercrime Action Taskforce.

O DD4BC tem vindo a explorar a popularidade dos “pseudo mecanismos de pagamento” e foi responsável por diversas campanhas de extorsão de bitcoin desde 2014.

Apesar do foco principal dos ciberataques do grupo ser a indústria de jogo online, recentemente começou a dedicar-se a serviços financeiros e ao setor do entretenimento.

Uma dos maiores problemas, relacionados com os ataques DDoS, explica a Europol, é o facto das companhias privadas não os reportarem, dificultando o trabalho da polícia de encontrar e terminar com grupos como o DD4BC.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*