22 mil pendrives USB encontradas anualmente em lavandarias no Reino Unido

0
177
SAMSUNG CSC

A ESET revelou num estudo que dispositivos de memória USB, telemóveis e ratos mortos são apenas alguns dos itens encontrados entre as roupas sujas nas lavandarias todos os anos. Um total de 22.266 “pens” USB e 973 telemóveis são deixados nos bolsos e 45% dos dispositivos nunca regressam aos seus donos.

Como parte deste estudo, a ESET inquiriu 500 lavandarias no Reino Unido de forma a perceber quantos dispositivos UBS e telemóveis são deixados para trás na roupa suja anualmente. Em média, cada lavandaria encontrará quatro “pens” USB em bolsos de roupa todos os anos. E apesar de muitos dispositivos regressarem às mãos dos donos, uns incríveis 45% nunca mais são vistos por eles.

A propósito da descoberta, Mark James, especialista de segurança na ESET, disse: “É preocupante saber que tantos dispositivos sejam esquecidos pelos seus donos, ainda para mais sabendo que a perda de informação crucial hoje em dia gera machetes diariamente. Apesar de tudo, o que é mais surpreendente neste estudo é o facto de tantos dispositivos nunca serem devolvidos aos donos. As probabilidades destes dispositivos irem parar ao fundo de um caixote são altas e quem sabe o que lhes acontecer depois disso.”

Outras descobertas incríveis têm a ver com estranhos objetos encontrados em lavandarias, nos bolsos da roupa, todos os anos. Alguns dos itens mais peculiares incluem:

  • Um rato morto
  • Doses múltiplas de Viagra
  • Vários preservativos
  • 1600 libras em dinheiro
  • Dentaduras
  • Lasanha & batatas fritas

Apesar de alguns destes serem importantes, já para não falar em divertidos, a frequência é mínima em comparação com itens tecnológicos como telemóveis e sticks USB.

“O número de ‘pens’ USB e telemóveis que são deixados na lavandaria anualmente é estonteante e mostra claramente a necessidade de as pessoas prestarem mais atenção à proteção dos seus dados. Face a recentes brechas na segurança em organizações de grande perfil, é altura das pessoas levaram a sua própria segurança mais a sério. Os dados são de elevado valor na darknet e os cibercriminosos estão sempre à procura do que puderem usar. Dos 10.004 sticks USB que nunca foram devolvidos, temos de pensar que uma alta percentagem deles possa ter contido informações corporativas sensíveis. Isto cria um potencial risco para negócios no Reino Unido, porque há uma grande probabilidade destes dispositivos irem parar às mãos de cibercriminosos,” concluiu James.

Metodologia

A ESET contactou telefonicamente mais de 500 lavandarias no Reino Unido em novembro de 2015 e extrapolou os dados baseando-se em 5.839 lavandarias no Reino Unido.

Para mais informações, por favor visite www.eset.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*