Vivo expõe informações de 24 milhões de clientes

A operadora admitiu a falha e destacou que já “neutralizou a vulnerabilidade”. A falha deixou expostos dados como nome, RG (registo de identidade), CPF (identificação de contribuintes), e-mail, telefone, data de nascimento e o nome da mãe dos clientes.

A operadora de telecomunicações Vivo deixou expostos dados de pelo menos 24 milhões de clientes na Internet. O problema afetou a plataforma “Meu Vivo”, na qual os clientes podem gerir dados de cadastro e contas. O serviço ficou em baixo durante uma parte de segunda-feira última, o que pode significar que a empresa esteve a trabalhar na correção da falha.

Segundo o portal Olhar Digital, a vulnerabilidade foi descoberta pelo grupo de investigadores de segurança WhiteHat Brasil, que procura identificar vulnerabilidades em sites que contam com grandes bases de dados. De acordo com informações divulgadas pelo grupo WhiteHat Brasil, a exposição dos dados ocorreu através do uso de uma técnica conhecida como “raspagem de dados”, que permite gravar grande parte do código que o site gera ao capturar o envio de informações e respostas.

A operadora Vivo emitiu um comunicado à imprensa, no qual informa que a empresa identificou e neutralizou uma vulnerabilidade no acesso ao portal de serviços Meu Vivo, com o objetivo de garantir a privacidade e a segurança das informações dos seus clientes”, destacou.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*